7.8.18

BE GRATEFUL


A temperatura (finalmente) baixou. Não o suficiente ainda para que a minha casa deixe de estar quente, muito quente. Mas pelo menos quando se abre a janela já entra uma brisa fresca. Ontem, após estar cinco noites sem dormir, dei por mim a não aguentar mais e a arranjar uma ventoinha. Foi uma relação curta a nossa, 10 minutos. Apenas. Ou morro de calor ou moro de surdez. Não aguento, nem consigo ouvir os meus próprios pensamentos com tamanho ruído. E não, nem era uma má ventoinha mas caramba, aqui entre nós, a ventoinha não arrefece, não traz ar frio, muito pelo contrário. E como qualquer relação que termina lá voltei a coloca-la na caixa e a dar-lhe um destino que não esta casa.

Brincadeiras à parte, está mais que confirmado que não vou descer até ao Algarve este fim de semana. Infelizmente continua tudo muito mau por Monchique, e era mesmo para essa zona que eu ia, mais precisamente para o Macdonaldmonchique, onde já tinha estado uma vez e que tinha adorado. Neste momento acho que o nosso sentimento por toda esta tragédia que o nosso país está uma vez mais a sofrer, é geral. Estamos todos desolados e, perante uma tragédia tão avassaladora já só queremos que isto termine de vez. 

Passa tudo depressa demais. E na maior parte dos nossos dias, as nossas prioridades estão todas trocadas. Chateamo-nos por muito pouco, viramos as costas às pessoas, às coisas com uma facilidade impressionante. Criticamos tudo e todos sem m muitas vezes termos noção da realidade. 
É preciso muito pouco no final do dia para ser feliz. Estou em casa, segura, e enquanto preparo algo para jantar, toca uma música na minha sala. Amo e sou amada. É suficiente. Mesmo.
Tenham uma noite feliz e já agora, espero que gostem do look que acompanha estas palavras sinceras. 


























LOOK:
Vestido: Zara | Sapatos: H&M | Carteira: Chloé

Com amor, 
Mia 




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela vossa visita,
Baci
<3