19.9.18

GAMILA SECRET


Já faz algum tempo que estive num simpático encontro onde pude conhecer pessoalmente a Gamila, uma senhora incrível que, sem saber ler nem escrever se tornou num enorme nome da cosmética, depois de passar 40 anos a fazer experiências com ervas, criando assim a mais lucrativa marca de sabonetes de Israel. Foram centenas de tentativas e erros até chegar à combinação secreta de ervas e extratos que dão aos seus sabonetes as suas propriedades especiais. É tão secreta ao ponto de só ser conhecida por ela e pelos filhos e estar, literalmente, fechada a sete chaves num cofre.

Esta barra de limpeza distingue-se dos sabonetes tradicionais por conter anti-oxidantes, minerais e vitaminas no seu estado mais puro. É indicada para a limpeza e cuidado diário do rosto e do corpo. Limpa, nutre, hidrata e repara a pele. É indicada para todos os tipos de pele, inclusive para pessoas com pele sensível, alérgicas a óleos essenciais e até para bebés. 
Comecei a usar a semana passada, após ter notado umas pequenas alterações na minha pele, não sei se da base que usei ou se um outro qualquer produto que tenha colocado, a verdade é que me apareceram umas borbulhinhas pequeninas que não gosto nada! 

Sem cores artificiais, fragrâncias, químicos ou conservantes, todos os produtos Gamila Secret são 100% naturais e feitos artesanalmente. 
Na conversa que pudemos ter com a Gamila fez-nos mesmo um desafio: se usarmos um sabonete durante 28 dias , a nossa pele irá sofrer uma renovação total e será possível assistir a diferenças. 
Eu aceitei este desafio e estou com muita esperança de que a minha pele volte a ficar uniforme e bonita. 
Estou também a usar o óleo para o rosto que aplico diariamente no rosto, fazendo uma massagem suave. 


 à venda nas lojas Perfumes e Companhia 

Com amor, 
Mia 



18.9.18

DESCOBRIR O MONTE DA RAVASQUEIRA


Mais um post que vem com algum atraso. Desculpem, a agitação e os compromissos dos meus dias são tantos, misturados com uma casa para gerir e toda uma vida pessoal que nem sempre consigo partilhar as coisas no timming que mais gostaria.
Mesmo atrasada sinto que ainda venho muito a tempo de partilhar com vocês esta "escapadinha" que tive a meio de uma semana, com uma grupeta daquelas super bem dispostas, onde é impossível não nos sentirmos bem e animadas!
Quando me foi feito o convite nem pensei duas vezes, ja tinha ouvido falar muito bem do Monte da Ravasqueira (e dos maravilhosos vinhos), situado em Arraiolos e tinha muita curiosidade em lá ir.
O ponto de partida foi bem cedo porque tínhamos toda uma série de actividades à nossa espera. Tivemos imensa sorte com o tempo, esteve sempre um sol fantástico que nos ajudou a descobrir e a passear pelos mais de 3000 hectares de monte, com imensas histórias giras e um encanto absolutamente verdadeiro e natural. Uma paisagem que nos faz esquecer todos os problemas, o trânsito na cidade, os filhos, as contas por pagar, o trabalho para fazer ... tudo. Ali o tempo parou e foi super bem aproveitado.

Fomos recebidas com um pic nic para almoço absolutamente fantástico, como poderão ver nas fotos que vos deixo, um cenário maravilhoso e uma comida de chorar por mais. Uma série de petiscos acompanhados por alguns dos muitos vinhos que ali se produzem. Desde o branco ao rosé, passando pelo tinto, provámos de tudo! Tudo isto entre muita conversa e partilha de coisas boas da vida. 

Visitámos também a Adega, onde nos foi dada a possibilidade de fazer um vinho, após um workshop que nos deu algumas noções importantes na área. Depois do vinho, tínhamos um outro desafio pela frente: aprender a fazer tapetes de Arraiolos, foi tão mas tão giro! Quem me conhece bem sabe que não tenho muito jeito para trabalhos manuais, mas confesso que não desisti enquanto não fui capaz de fazer! 

Terminámos o dia com um passeio pelo monte e pelas vinhas e tivemos depois direito a um maravilhoso jantar, onde tudo foi pensado ao acaso, desde a bonita decoração como os partos servidos e os vinhos que os acompanharam. Na casa dos meus Pais sempre se bebeu bom vinho, o meu Pai era um bom conhecedor e apreciador e tentou passar isso para as filhas. Confesso que das coisas que mais prazer me dão é sentar-me à mesa com amigos, partilhar um bom vinho e uma boa conversa. Motivo mais que suficiente para me sentir feliz.
Este jantar delicioso terminou com uma espécie de vinho do Porto, licoroso, produzido ali mesmo e que era qualquer coisa de fantástico. 

A Ravasqueira produz imensos vinhos, muitos deles já ganharam variados prémios.
Posso dizer-vos que nessa noite caí na cama e adormeci na hora, feliz e contente por poder ter tido esta experiência tão boa. Acordei no dia seguinte numa paz tão boa, onde apenas se ouvia os passarinhos. Tínhamos um pequeno almoço daqueles super caseiros à nossa espera: torradas, compotas, ovos mexidos entre tantas outras coisas boas, tão boas! Era dia de voltar para a loucura da cidade mas valeu mesmo muito a pena fazer esta "pausa" no meio de toda uma vida agitada que levamos.




















Marta, Mariana, Eu, Sofia e a Isabel Saldanha
(uma grupeta do caraças!)






















Deixo-vos esta partilha como uma excelente sugestão para poderem fazer seja com a vossa família, grupo de amigos ou até na vossa empresa, um dia passado no campo, com direito a uma paisagem maravilhosa e a uma experiência com vinhos maravilhosos. Acima de tudo, um sossego e uma paz que é difícil de explicar-vos em palavras mas que garanto que vale muito a pena viver. 

Um obrigada a toda a equipa que tão bem nos recebeu nestes dois dias. Não esqueço e espero repetir.

Com amor, 
Mia 



17.9.18

WHEN IN DOUBT WEAR PINK


Arranca hoje mais uma semana de trabalho, para muitos de vocês, que são pais, hoje começa toda uma nova aventura na vida dos vossos filhos. Desejo que o início do ano escolar seja tudo de bom.
Agora sim parece que tudo volta à normalidade, as rotinas, o caos do trânsito nesta cidade, toda uma série de desafios profissionais que queremos agarrar e tornar realidade. A vida parece não parar. Senti isso mesmo neste fim de semana. Apesar de não ter ligado o computador, tive muita coisa para organizar em casa e senti que descansei pouco. O facto de ter consciência de que tenho várias coisas em atraso para escrever, fez com que a minha cabeça desligasse pouco e com que o meu nível de ansiedade andasse meio louco.
E eu gosto (muito) pouco de começar assim a semana, com esta espécie de nó na garganta, como se sentisse o coração apertado. Não vos sei explicar de uma outra forma o que sinto mas é estranho, quase como se sentisse medo do futuro.

Escolhi este look de forma propositada para acompanhar este post. Isto porque é um outfit que me fez sair da minha zona de conforto. Adoro ver um fato completo e adoro rosa, logo seria a combinação perfeita. Mas sei que o facto de ser pequena não ajuda ou não favorece muito. Esta foi das poucas aquisições que fiz nos saldos neste verão e não me arrependi. Acho, de forma muito sincera, que, "ao vivo e a cores" resulta muito melhor e, a verdade é que toda a gente que me viu neste dia diz ter gostado muito, eu própria gostei de me ver mas acho que em modo "sessão fotográfica" não cai tão bem!

Ás vezes é preciso ter coragem, arriscar, sair daquilo que nos faz sentir confortável, daquilo que estamos mais que habituados. Não é só na roupa mas em tudo na vida, acho eu. E é isso que quero, cada vez mais, ser capaz de fazer. Descobrir novas versões de mim mesma, fazer coisas novas, testar-me. No final do dia eu só quero mesmo é sentir-me feliz e sei que isso não tem acontecido da forma que eu mais gostaria ou até da forma que eu sei que sou merecedora.



















LOOK: Zara | Cinto: Gucci | Carteira: Chanel
Óculos Sol: Vogue | Brincos: aqui

Venha daí essa nova semana, que nos traga muita coisa nova, novas oportunidades, muitos sorrisos e força de vontade para ir à luta!
Boa semana pessoas bonitas!

Com amor,
Mia