7.11.17

Sorrir (mais) à vida


Acordei com um aperto no peito. Hoje é dia 7. Faz hoje 7 meses que me despedi do meu Pai. Por um lado, parece que foi ontem que o meu tmv tocou e o meu cunhado me deu esta triste notícia, por outro lado, parece que não vejo o meu Pai há séculos. E a verdade é que não vejo mesmo.Hoje não quero escrever sobre tristeza, não me quero demorar em sentimentos menos bons. Mas preciso dizer que esta saudade me continua a tirar o ar, que continua tudo a ser muito mas muito difícil mesmo.

Hoje é dia 7 e eu acordei com um aperto no peito mas consegui soltar um sorriso. Olhei ao meu lado e tinha o meu amor comigo, de volta, junto de mim. Hoje quero encher o meu coração de coisas boas. De mimo, de amor, de tudo o que me possa fazer sentir segura e feliz.

Nesta coisa tão complicada que é viver, é preciso coragem para não desistir, para nos levantarmos as vezes que forem precisas. Enfrentar o dia de trabalho com um sorriso nos lábios quando tudo o que mais nos apetece é chorar, não é fácil.
Nos dias menos bons, é preciso lembrarmo-nos do que somos feitos e rodearmo-nos de quem nos quer bem. 

Hoje é dia 7 e eu sei que preciso do abraço dos meus. Sei que preciso que agarrem a mão, ainda com mais força, e que me façam acreditar que um dia isto vai doer menos.
Hoje é dia 7 e eu prometo que vou trocar as lágrimas por sorrisos.










LOOK:
Vestido: aqui | Carteira: Balenciaga
Ténis: All Star

Com amor,
Mia



4 comentários:

  1. ✨💓✨

    É verdade, nunca estamos sozinhos..


    anaritaferreira83.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  2. É difícil que sei lá... Dia 9, 3 meses. A vida é um minuto a minuto de momentos difíceis.
    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  3. Um grande beijinho de muita força!
    Cris

    www.lima-limao.pt

    ResponderExcluir
  4. Muita força! É inegável o poder de um xi-coração!
    Que receba muitos, hoje!
    Beijinho <3

    ResponderExcluir

Obrigada pela vossa visita,
Baci
<3