29.10.17

O tempo não passa pela amizade. Mas a amizade passa pelo tempo.


Hoje de manhã, acabada de acordar no Oeste, recebo um abraço bom da minha sobrinha que me confessa, de forma triste e com algumas lágrimas que tem saudades da sua melhor amiga. Estavam juntas no colégio e parece que agora já não estão. A vida às vezes é mesmo assim. Senti a sua tristeza e percebi a importância que aquela amiguinha tem na sua vida. Tentei dizer-lhe que a vida às vezes nos afasta de quem gostamos, mas que mais do que a distância física, não podemos é permitir que a distância emocional afecte a amizade. Que uma amizade precisa de ser alimentada, como qualquer relação. Senti o meu coração apertado, também eu tenho saudades de pessoas que acabaram por se afastar, que não estiveram comigo quando eu mais precisava. E isso dói muito. Sei que existem "teclas" onde não faz mais sentido continuar a insistir, simplesmente porque as coisas têm um tempo e porque às vezes , por mais que nos doa, temos de perceber que não dá para continuar à espera de alguém que não virá mais ao nosso encontro. Depois de aceitar, que não é, de todo, um processo fácil, é preciso fazer as pazes com o nosso coração e não permitir que isso nos continue a afectar de uma forma negativa ou triste. Triste acho que irá ser sempre, perceber que perdemos alguém que amamos nunca é fácil mas é preciso focarmo-nos no que realmente importa e estarmos ligados aos que (verdadeiramente) interessam.

Se há frase que uso e abuso é a que os amigos são a família que escolhemos, e a verdade é que é importante escolhermos bem a nossa tribo, rodearmo-nos de quem nos quer e nos faz sentir bem. De quem nos dá paz e nos empresta o colo quando a vida nos prega partidas. A vida só faz sentido se partilhada com os nossos, sempre, para o bem e para o mal.

Praticar o desapego custa horrores, chega mesmo a doer mas é um bem necessário em todo este processo. Não se aprende a lidar de um dia para o outro mas, quando percebemos que merecemos melhor, sabemos que o único caminho possível é seguir em frente. 
Sei que a vida que levamos hoje em dia é tramada, que os nosso compromissos nos roubam muito tempo aos nossos mas é preciso fazer um "esforço" para que tudo se equilibre e para que possamos dar um bocadinho do nosso tempo àquela nossa amiga, de quem tanto gostamos, mas que se calhar não anda bem e precisa de um sorriso nosso ou aos nosso Pais que também gostam de fazer um programa giro com os filhos.
O tempo (de qualidade) é o melhor presente que podemos oferecer a quem nos ama. 
Que sejamos mais generosos nos nossos afectos e mais gratos pelos que nunca nos largam a mão.

































LOOK:
Vestido: Zara | Sandálias: Mango
Brincos: Zara | Carteira: B&L

Com amor,
Mia 
















3 comentários:

Obrigada pela vossa visita,
Baci
<3