8.5.15

Os meus dentes e o invisalign #5

Fotografia Pau Storch

E se de repente vos disser que coloquei esta semana a última goteira, deste processo que tem sido usar o invisaling? Pois é, o tempo passa efectivamente a correr. A uma velocidade assustadora. Hoje olho-me ao espelho e é impossível não notar uma diferença imensa no meu sorriso. Eu gosto de me rir. De soltar uma enorme gargalhada, daquelas que vêm cá de dentro, sem travões. 
Costumo dizer que é quase impossível tirarem-me um retrato em modo "demasiado sério", e onde o sorriso se encontre anulado.

Lembro-me da primeira visita que fiz à Clínica de Diagnóstico e Check-up Roma. A única certeza que tinha era que queria muito corrigir os meus dentes. Mas, por outro lado, sabia que não queria voltar aos aparelhos com "ferrinhos", "estrelinhas" e tudo aquilo que fosse metalizado :)
E se ao início achava que ia ser complicado adaptar-me ao invisalign, tudo isso desapareceu passado uma semana e meia de utilização. É apenas mais uma rotina diária da nossa vida. E quando sabemos que estamos em excelentes mãos e começamos aos poucos a ver os resultados a motivação é imensa bem como uma alegria que só quem passa sabe explicar. 
Não me canso de elogiar o trabalho e dedicação do Dr. David Matos. Eu sou daquelas pessoas que faz muitas perguntas, que quer sempre saber porque se faz desta forma e não de outra. E ele sempre teve a maior das paciências para me explicar tudo, para fazer com que tudo corresse da melhor maneira possível.


Colocada a última goteira, voltei a sentir os dentes mais apertados no primeiro e segundo dia. Tudo normal portanto, dentro daquilo que se esperava. Daqui a 2 semanas volto a ter consulta para perceber a evolução e para saber se terá de ser feito algum ajuste, até porque cada caso é um caso e os dentes reagem de forma diferente.

Mais uma vez, e até porque recebi várias mensagens a questionar-me sobre o invisalign, aconselho-vos a marcarem uma consulta na Clínica de Diagnóstico e Check-up Roma, para perceberem quais as vossas necessidades e aquilo que é possível ser feito para vos ajudar. Tenho a certeza que serão muito bem recebidas e que ficaram tão satisfeitas como eu me sinto.

Um beijo,
Mia 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela vossa visita,
Baci
<3