17.2.15

50 Sombras de Grey

 Estreou (finalmente) esta semana o filme mais falado do ano. Sim, a típica expressão "falem bem ou falem mal, mas falem" pode perfeitamente aplicar-se aqui.


Já perdi a conta da quantidade de posts, recados, desabafos, críticas e sei mais lá o quê que li relativamente ao filme.
Chego sempre à mesma conclusão, as pessoas adoram falar mal. De tudo. De todos. Na maioria das vezes sem nenhum conhecimento de causa. Se há coisa que costumo dizer é que para se ter uma opinião é preciso ver, ler, "tomar conhecimento de", e foi isso mesmo que fui fazer na passada quinta-feira, na bonita sala do S.Jorge, assistir às 50 Sombras de Grey.

Confesso que tentei ler o livro mas que me fiquei muito pelo início. Não me senti convencida a continuar e nunca mais voltei a pegar nele. Sabia por alto a história e tinha curiosidade em ver a passagem para o ecrã.
Sim, não se trata de nenhuma obra prima e sim, ninguém está à espera de nenhuma nomeação para Óscares. E não, não o consigo considerar um filme erótico na verdadeira amplitude da palavra. Apresenta cenas de sexo mas nada que já não tenhamos visto em novelas da Globo ou nas Casas dos Segredos deste nosso Portugal.

A primeira coisa que escrevi após ter saído da sala foi que achava que o Mr. Grey precisava de mais uns aninhos em cima, acho-o jovem demais. Mas isto sou eu! Acho que o casal poderia ter mais química, mas , a verdade é que o filme vê-se bem! Consegui rir, consegui desanuviar a cabeça do meu dia a dia, fiquei fã das músicas, gostei de vários diálogos entre os dois, e da maior parte das cenas de sexo, são sensuais, sem chocar ninguém, ou seja, foi um bom momento de entretenimento. Que era tudo aquilo que eu esperava!


Sei que quem leu o livro achou-o melhor do que o filme, muitas das cenas não passaram para o ecrã, como acontece na maioria dos casos.

Por isso, e para quem ainda não viu, aproveitem um momento de lazer e convidem a vossa amiga ou o vosso namorado/marido para passarem um momento simpático, lúdico, de entretenimento. Porque a vida também se faz disso. 

Um beijo, 
Mia 








3 comentários:

  1. Li e reli toda a trilogia e confesso que esperava algo mais e tal como a Mia, esperava um Grey diferente - não tanto pela idade mas talvez mais autoritário e sério.
    Não posso deixar de referir que adorei a banda sonora!
    Beijinho!

    ResponderExcluir
  2. Aproveitem a vida pois so temos esta :) Carpe Diem! ;)

    ResponderExcluir
  3. Olá, li o 1º livro mas ainda não vi o filme. A vida nem sempre tem que ser densa, complexa ou erudita, enquadro as 50 Sombras de Grey no meu gosto pelas Kardashian's , sabe tão bem descomplicar de vez enquanto.

    Beijinhos

    ResponderExcluir

Obrigada pela vossa visita,
Baci
<3